Arquivo da Tag: sp burger fest 2013

SP Burger Fest 3ª edição começa 7 de novembro com Feirinha Gastronômica dedicada ao hambúrguer – confira os participantes

Feirinha Gastronômica - Hambúrguer

Domingo é dia de Feirinha Gastronômica, que desde agosto deste ano mudou-se para um novo endereço na Praça benedito Calixto, 85. A novidade é que para a abertura da 3ª edição do SP Burger Fest (de 8 a 24 de novembro com 65 participantes confirmados) teremos uma Feirinha Gastronômica exclusivamente de hambúrguer na quinta-feira, próximo 7 de novembro a partir das 18h.

Além de alguns participantes de peso do festival de hambúrgueres, como o restaurante, Marcelino Pan y Vino, P.J. Clarke’s e o conhecidíssimo Z Deli Sanduíches, a feirinha vai contar com 3 participantes mais do que especiais: Guia do Hambúrguer, Ponto de Chapa e Sem Medida. Além do trailer de lanches que vêm diretamente de Paraty, o Clandestino Burger. O preço sugerido para os hambúrgueres é de R$ 20,00.

Espera, é isso mesmo, pela primeira vez na história vocês vão poder experimentar receitas exclusivas de hambúrguer desenvolvidas e testadas pela gente. Ainda são segredo, mas fizemos combinações clássicas com ingredientes surpreendentes e deliciosos.

Do pão à carne, tudo será escolhido para vocês provarem e aprovarem nossos hambúrgueres. E o mais divertido é que os papeis serão invertidos, TODOS PODERÃO NOS AVALIAR! = D

Além desta super surpresa, a feirinha vai contar com uma loja de utensílios para hambúrguer e pães do Rogério Shimura, antigo sócio de Alex Atala na padaria Em Nome do Pão. Fizemos o workshop de como fazer pão de hambúrguer no semestre passado e quem tiver interesse poderá comprar convites pelo site FoodPass.

Feirinha Gastronômica

Praça Benedito Calixto 85, Pinheiros
São Paulo, SP
quando: 7 de novembro – quinta-feira

La Maison est Tombeé – SP Burger Fest em maio de 2013

Voltamos à La Maison est Tombée, sem nunca ter ido. Quer dizer, fomos na quinta feira mas com uma espera de 11 mesas, sem chance esperar, partimos para o Ramona.

Desta vez, no almoço do sábado, o movimento estava tranquilo e muitas mesas vagas. Foi chegar e sentar.

O ambiente é descontraído, de um barzinho com paredes de azulejo, mesa de sinuca e um bar de bebidas. Por isso a lotação no happy hour.

Ambiente

Ambiente

A mesas acompanham o clima de barzinho, são de madeira com um copo de guardanapos em cima.

Ambiente

Logo que sentamos recebemos uma caneca de pipoca, cortesia da casa bem incomum e que agradou. Rapidinho acabaram.

Pipoca cortesia

O hambúrguer do festival é o Cheese Burger de La Maison est Tombée, hambúrguer de 180g, queijo emmental, bacon, picles e maionese do chef acompanhado de batatas fritas por R$ 33,00. Fizemos o pedido.

Cardápio

Chegaram depois de uns 15 minutos. Foram servidos em tigelas de metal, com a cebola roxa e o picles à parte.

Cheese Burger de La Maison est Tombée, hambúrguer de 180g, queijo emmental, bacon, picles e maionese do chef

As fritas vêm em caneca esmaltada junto com a porção de maionese. Bem bonita a apresentação.

As batatas estavam arrumadinhas, sequinhas e eram rústicas. Estavam quentes e crocantes, com sabor de batata artesanal. O tamanho da porção é mais que suficiente para uma pessoa.

Ambiente

O hambúrguer é nitidamente grande, com bastante queijo e complementos.

Cheese Burger de La Maison est Tombée, hambúrguer de 180g, queijo emmental, bacon, picles e maionese do chef

A carne estava alta e realmente ao ponto, bem rosada por dentro e sem sangrar. A consistência estava correta, sabor de carne boa e sem tempero para interferir, como o bom hambúrguer tem que ser.

O emmental estava derretido por cima, sabor inconfundível uma delicia.

O bacon estava crocante e saboroso, perfeito.

O pão macio e branquinho sustentou bem o lanche que estava bem recheado. Tostado até ficar crocante por dentro, não absorveu os líquidos mantendo as caracteristicas originais.

Cheese Burger de La Maison est Tombée, hambúrguer de 180g, queijo emmental, bacon, picles e maionese do chef

A maionese é receita do chef porque tem wasabi na composição. Dá um gosto diferente e característico, nós já comemos diversas variações de maionese de wasabi e normalmente gostamos, estava ideal e bem suave.

Maionese do chef

Para finalizar pedimos uma rabanada com sorvete de creme. Vieram duas fatias grossas, quentinhas e macias por dentro. O sorvete de creme estava muito bom, ótima pedida para a sobremesa e bem diferente.

Rabanada com sorvete de creme

O La Maison est Tombée é um barzinho com muitos aperitivos no cardápio, mas tem alguns pratos e almoços. Provou que sabe fazer hambúrguer, pois só tendo uma opção no cardápio trouxe algo melhor do que muitas hamburguerias que conhecemos.

Se não der tempo de ir durante o SP Burger Fest, o Cheese Burger de La Maison est Tombée estará disponível no cardápio regular, inclusive voltaremos e faremos uma avaliação do lugar.

La Maison est Tombée

Endereço: R. Jerônimo da Veiga, 358 – Itaim Bibi. Tel. 3071-2926. em São Paulo, SP
Telefone (11) 2366-9882

Emiglia – SP Burger Fest em maio de 2013

Visitamos o Emiglia, restaurante tipicamente italiano que oferece a receita do Italianíssimo Burger, hambúrguer caseiro envolto em massa de pizza e assado no forno a lenha. Com molho de tomate italiano e muçarela de búfala por R$ 44,00.

Localizado na esquina da Rua Cinderela com a Sabuji, o Emiglia surgiu de uma viagem entre amigos à Itália com o propósito de manter a tradição da rica culinária italiana.

O ambiente traz um ar requintado e moderno, paredes de cimento rústico e móveis em madeira. A música ambiente completa o clima.

As mesas ficam postas e com 4 taças, pratos e guardanapos de pano, dando pistas de um restaurante mais formal.

Ambiente

Chegamos e não houve espera, escolhemos sentar no sofá porque é mais confortável. É possível ficar do lado de fora na varanda, mas o dia estava muito frio.

Demos uma olhada no cardápio e vimos que existe uma opção de hambúrguer regularmente e também preparado na massa de pizza. Um hambúrguer de picanha da casa com cebola marinada e queijo cheddar envoltos em massa de pizza e acompanhado de batatas fritas ou salada por R$ 43,00.

Cardápio

Fizemos nosso pedido das receitas do festival com a carne ao ponto e acompanhado de batatas.

Demorou um pouco até chegarem os hambúrgueres, por volta de 20 minutos. Chegaram servidos em um prato quadrado e acompanhados das batatas fritas ao lado.

Italianíssimo Burger, hambúrguer caseiro envolto em massa de pizza e assado no forno a lenha. Com molho de tomate italiano e muçarela de búfala e acompanhado de fritas

As batatas estavam quentes e crocantes, mas eram batatas congeladas então não tinham qualquer diferencial.

Batatas fritas

O hambúrguer estava todo envolto em massa de pizza. Começando pela massa, estava crocante por fora e macia por dentro. A cada corte, este hambúrguer é para comer de garfo e faca, a muçarela de búfala era revelada derretida dentro da massa – uma delícia.

Italianíssimo Burger, hambúrguer caseiro envolto em massa de pizza e assado no forno a lenha. Com molho de tomate italiano e muçarela de búfala e acompanhado de fritas

Chegamos até a carne, alta, uns 2 dedos de altura. Estava extremamente compacta e bem passada – ao contrário do ponto que pedimos. E para completar estava temperada. Apesar de entendermos que o restaurante coloca a personalidade nos pratos, algumas vezes até temperando a carne do hambúrguer é permitido, desde que não comprometa o sabor principal. Neste caso, consideramos que a carne não estava boa, desde a consistência até o gosto. Ao contrário dos acompanhamentos, molho de tomate e a massa que estavam ótimos, a carne realmente não agradou.

Italianíssimo Burger, hambúrguer caseiro envolto em massa de pizza e assado no forno a lenha. Com molho de tomate italiano e muçarela de búfala e acompanhado de fritas

O Emiglia é um refinado restaurante de culinária italiana, mas não acertou no hambúrguer do festival. Se tivessem usado a carne certa, com certeza seria um dos melhores, mas deslizaram bem no principal.

Emiglia Restaurante

R. Cinderela, 40 – Jardim Europa em São Paulo, SP
Telefone (11) 2365-6500

Ramona – SP Burger Fest em maio de 2013

Fomos ao Ramona na última segunda-feira, mas infelizmente estava fechado para uma filmagem. Localizado no centro de São Paulo, próximo ao edifício Copan na Av. São Luis o Ramona foi inaugurado em julho de 2012.

Fachada

Chegamos e não precisamos esperar. Sentamos em uma mesa bem perto da entrada. A casa tem 3 ambientes, no térreo por onde entramos, o bar que é um piso rebaixado no fundo da casa e o andar superior.

Ambiente

Já ouvimos alguns elogios sobre o hambúrguer da casa, então colocamos em nosso roteiro do SP Burger Fest.

Ambiente

Logo que sentamos chegou uma jarra com água, alguns restaurantes do SP Burger Fest que fomos praticam este agrado aos seus clientes – ponto positivo.

Jarra de água

A luz é baixa e suave. A decoração é retrô e descolada, paredes de madeira, poltronas para sentar, tudo muito elegante em um clima descontraído e com música.

O cardápio serve comidas variadas, desde carne, peixe, frango até alguns pratos veganos. Para hambúrguer eles têm três opções disponíveis.

Cardápio

Para o SP Burger Fest a opção é o Oinc Burger – Cheese burger de costela suína, queijo cheddar, cebola roxa grelhada e molho BBQ Ramona no pão de batata por R$ 35,00. Pedimos o hambúrguer do festival, ao ponto e um chá Ramona para beber.

Chá Ramona

Em 15 minutos o pedido chegou. Muito bem apresentado e servido em prato oval.

O hambúrguer vem aberto, mostrando o queijo cheddar e a cebola roxa grelhada. Além do molho barbecue, pedimos uma porção de maionese que vem servida em xícara pequena de metal.

Oinc Burger – Cheese burger de costela suína, queijo cheddar cebola rocha grelhada e molho BBQ Ramona, no pão de batata

A carne do hambúrguer era alta e entregue no ponto certo. Carne de porco nunca fica sangrando. A consistência estava boa, hambúrguer tostadinho por fora e suculento. O sabor é bem leve e suave.

O queijo estava bem derretido e a cebola grelhada estava crocante e adocicada – uma delicia.

Oinc Burger – Cheese burger de costela suína, queijo cheddar cebola rocha grelhada e molho BBQ Ramona, no pão de batata

O pão era macio, selado e perfeito para suportar o lanche, deixando a carne ser a estrela da receita.

O picles que vem à parte e estava muito bom, crocante, temperado do jeito que tem que ser – ótimo complemento.

Oinc Burger – Cheese burger de costela suína, queijo cheddar cebola rocha grelhada e molho BBQ Ramona, no pão de batata

A maionese parece que vem em pouca quantidade, mas deu perfeitamente para o lanche. Estava correta, suave, temperada e muito saborosa.

Maionese

O molho barbecue combinou com a carne de porco. Levemente doce e gosto de caseiro.

Molho barbecue

As batatas fritas eram cortadas em palitos bem finos, chegaram quentinhas mas um pouco oleosas. Nada de extraordinário, mas completaram o lanche que não era muito grande.

Batatas fritas

O Ramona é um restaurante localizado no centro de São Paulo que possui um cardápio variado e hambúrgueres muito bem executados. De ambiente aconchegante e descontraído é uma ótima opção na região, que não é tradicional pelos hambúrgueres.

Mostrou que entede como preparar um hambúrguer de respeito, mesmo no cardápio tendo apenas 3 opções. Vale a pena pelo festival, vale a pena pelo hambúrguer da casa.

Ramona

Av. São Luís, 282 – República – Centro em São Paulo, SP
Telefone (11) 3258-6385

Le Repas Bistrot – SP Burger Fest em maio de 2013

Uma de nossas receitas preferidas de hambúrguer é o recheado. São pouquíssimas casas que oferecem esta opção, que deveria ser melhor explorada. E quando vimos que no Le Repas teríamos disponível durante o SP Burger Fest, tínhamos certeza de que não perderíamos.

Localizado na rua Ferreira de araujo, o Le Repas é um bistrot de tamanho médio, com dois ambientes: interno e externo.

Ambiente

Decoração simples e elegante, o Le Repas exibe parte das paredes com tijolos aparentes e pintados rusticamente de branco. A parte de baixo é de madeira e alguns quadrinhos e luminárias completam a decoração. O clima é bem intimista e aconchegante, os sofás são confortáveis e as mesas espaçosas.

Ambiente

A ideia da casa é resgatar o conceito original que os bistrots parisienses preparando pratos clássicos e reconfortantes em ambiente aconchegante a bons preços. A idealizadora é a chef Fernanda Barros. O nome Le Repas significa “a refeição”.

Ambiente

Antes mesmo do cardápio, chegou uma jarra de água aromatizada com hortelã e dois copos, uma cortesia da casa bem interessante.

Jarra de água aromatizada com hortelã

A receita do hambúrguer é o Burger J. Verne, hambúrguer recheado com queijo maasdam, acompanhado de alface lisa e frisee no pão de ciabatta. Servido com maionese de wasabi e chips crocante de mandioquinha e batata roxa por R$ R$ 36,00.

Pedimos os hambúrgueres do festival ao ponto e dois sucos de frutas vermelhas.

Cardápio

Levou uns 15 minutos para nosso pedido chegar. Vieram servidos em um prato retangular junto com a porção de maionese de wasabi e a porção de chips de mandioquinha e batata roxa.

Burger J. Verne, hambúrguer recheado com queijo maasdam, acompanhado de alface lisa e frisee no pão de ciabatta. Servido com maionese de wasabi e chips crocante de mandioquinha e batata roxa

A porção é individual, pequena quantidade apenas para acompanhar o hambúrguer. Estavam bem crocantes, sequinha mas não estavam quentes. O sabor estava leve e gostoso.

Burger J. Verne, hambúrguer recheado com queijo maasdam, acompanhado de alface lisa e frisee no pão de ciabatta. Servido com maionese de wasabi e chips crocante de mandioquinha e batata roxa

O hambúrguer é de tamanho médio. Carne bem alta sobre a salada de alface lisa e frisee. O hambúruer estava levemente temperado, ao ponto mas poderia estar mais vermelho. Acho que precisamos mudar a forma como pedimos, muitos restaurantes só trazem ao ponto, carne realmente rosada, quando pedimos ao ponto pra mal passado.

Algumas mordidas e chegamos ao queijo maasdam, que estava derretido e cremoso, sabor leve e bem parecido com o emmental.

Chips de mandioquinha e batata roxa

O pão estava tostado e suportou bem o lanche. Gostoso, macio e diferente – foi uma bela escolha para a receita.

Burger J. Verne, hambúrguer recheado com queijo maasdam, acompanhado de alface lisa e frisee no pão de ciabatta. Servido com maionese de wasabi e chips crocante de mandioquinha e batata roxa

A maionese de wasabi estava na consistência correta, levemente verde e com o sabor marcante da raiz forte. Acompanhou bem e combinou com a carne.

Maionese de wasabi

O Le Repas é um bistrot que oferece o hambúrguer do SP Burger Fest no cardápio regular. Executou bem a receita, que não é novidade por lá e com o toque da casa. Poderia não ter temperado a carne e deixar a gordura fazer mais a parte do sabor do hambúrguer, mas não comprometeu o conjunto. Atendimento atencioso e ambiente agradável vale a pena ser visitado, mesmo depois do final do SP Burger Fest.

Le Repas Bistrot

R. Ferreira de Araújo, 450 – Pinheiros em São Paulo, SP
Telefone (11) 2366-9882

Praça São Lourenço – SP Burger Fest em maio de 2013

O restaurante Praça São Lourenço fica localizado na Vila Olímpia, na rua Casa do Ator.

AMBIENTE
Chegamos e fomos direto à mesa, não havia espera mesmo estando bem movimentado. O clima no Praça São Lourenço é de um restaurante sofisticado, espaço amplo com 2 grandes ambientes: o interno e o externo onde vemos até um lago com carpas ornamentais e playgrond para criançada.

Ambiente

Ambiente

A decoração é elegante, toda baseada em elementos de madeira, luz baixa ou de velas e alguns jardins de inverno vistos das mesas.

Ambiente

Ambiente

Ambiente

O atendimento é atencioso, logo que sentamos trouxeram o iPad com a carta de vinhos. Hoje vamos apena de suco, estamos à trabalho rs.

Os sucos chegaram bem rápido, enquanto conferíamos o cardápio ainda. A cozinha é variada, com características da culinária italiana serve frutos do mar, massas, risotos, carnes e peixes. Segundo eles, valorizam ingredientes frescos de alta qualidade e sabores do forno à lenha.

A receita do festival é o Americo Burgerhambúrguer de 230 gramas, guacamole, queijo chedar, onion rings, alface americana, chips de batata doce, relish de tomate, maionese de chipotle no pão de ciabata por R$ 41,00.

Pedimos dois hambúrgueres do festival ao ponto. Enquanto isso, chegaram alguns palitinhos crocantes para nos divertimos até a chegada dos pratos principais. Couvert não é necessário, nós queremos mesmo é estar com toda a fome para devorar os hambúrgueres

Após uns 15 minutos chegaram. São de tamanho médio a grande. Vem abertos sobre o prato e acompanhados de uma porção de relish de tomates.

CHIPS DE BATATA DOCE
Os chips de batata doce vêm servidos separadamete em um recipiente de metal super charmoso. Estavam crocantes e salgadinhos, com o leve doce da batata no final. Acompanharam bem o prato principal.

Chips de batata doce

HAMBÚRGUER
O hambúrguer estava muito bem montado, queijo cheddar sobre a carne, guacamole por baixo e onion rings por cima de tudo. Fechamos o lanche e começamos a comer.

A carne do hambúrguer estava no ponto exato, suculenta e rosada por dentro. Temperadas apenas com sal e em consistência perfeita para um hambúrguer artesanal. Muito saborosa mesmo.

Americo Burger – hambúrguer de 230 gramas, guacamole, queijo chedar, onion rings, alface americana, chips de batata doce, relish de tomate, maionese de chipotle no pão de ciabata

Os acompanhamentos estavam na medida, dava para sentir o sabor de cada um separadamente e combinados estavam perfeitamente harmonizados. A guacamole surpreendeu, combinando direitinho com a carne e junto com a maionese de chipotle trazia um sabor levemente picante.

O queijo cheddar é que poderia ser melhor. Era o cheddar convencional, preferimos o inglês. Mas não comprometeu o resultado.

Americo Burger – hambúrguer de 230 gramas, guacamole, queijo chedar, onion rings, alface americana, chips de batata doce, relish de tomate, maionese de chipotle no pão de ciabata

O pão ciabata estava na consistência certa. Suportou bem a carne alta e suculenta e ao mesmo tempo não dificultou as mordidas mesmo sendo um pão mais firme e com casca.

O relish de tomate com azeite foi o toque final. Bem temperado e preparado deu mais sabor a cada mordida. Muito gostoso também.

Americo Burger – hambúrguer de 230 gramas, guacamole, queijo chedar, onion rings, alface americana, chips de batata doce, relish de tomate, maionese de chipotle no pão de ciabata

CONCLUSÃO
O Praça São Lourenço apesar de não servir hambúrguer no cardápio regular provou que sabe executar uma receita com perfeição. Com ambiente requintado e agradavel é um dos participantes imperdiveis do SP Burger Fest.

Praça São Lourenço

Al. Xingu, 111 – Alphaville Industrial em Barueri, SP
Telefone (11) 3053-9307
R. Casa do Ator, 608 – Vila Olímpia em São Paulo, SP
Telefone (11) 3053-9300

La Grassa – SP Burger Fest em maio de 2013

Começamos a semana visitando o La Grassa, restaurante de culinária tipicamente italiana localizado na Av. Juriti em Moema e idealizado pelos sócios do restaurante Praça São Lourenço.

Fachada

Chegamos ao restaurante e poucas mesas ocupadas, também hoje é uma segunda-feira hora do jantar.

AMBIENTE
O lugar é bem bonito, logo que entramos vemos onde são preparadas as bebidas e uma parte da cozinha por uma janela. A decoração remete à arquitetura de alguns pontos turísticos de Bolonha. As paredes mostram tijolos aparentes e uma decoração em madeira, com mesas bonitas e sofás confortáveis.

Ambiente

Ambiente

Ambiente

O cardápio é composto por antepastos, massas artesanais e receitas tradicionalmente italianas.

O hambúrguer do La Grassa se chama Ítalo Burger – hambúrguer de 230g de alcatra, pão italiano, maionese de erva doce, salame hamburguês e manjericão. Acompanhado de bolinhos fritos de risoto.

Pedimos os hambúrgueres ao ponto e para beber uma soda italiana e um suco de morango, lichia e pimenta rosa.

Logo chegou o suco e em seguida a soda italiana. Suco bem diferente e gostoso. A soda italiana era azul, mas sabor laranja.

Soda italiana

Depois de uns 20 minutos chegaram os hambúrgueres.

O tamanho impressionou de longe, o hambúrguer e o pão eram bem grandes.

Ítalo Burger - hambúrguer de 230g de alcatra, pão italiano, maionese de erva doce, salame hamburguês e manjericão. Acompanhado de bolinhos fritos de risoto.

BOLINHOS DE RISOTO
Os bolinhos de risoto vieram ao lado, acompanhados de um pequeno pote com molho de tomate em pedaços que era um pouco apimentado. Tudo estava bem bonito. Os bolinhos com sabor bem suave e muito diferentes. Talvez o acompanhamento de hambúrguer mais inusitado que experimentamos. Estavam bem temperados, arroz graúdo e cremoso no meio e crocantes por fora. Realmente uma delicia.

Molho de tomate

Bolinhos de risoto

HAMBÚRGUER
O hambúrguer não veio no pão italiano. O pão era grande, até um pouco exagerado. Estava um pouco seco, lembrava um pão de leite ou pão sovado.

A carne veio sobre muçarela de búfala fresca, rodelas de tomate e manjericão. Apesar de não estarem descritas na receita original, a combinação ficou muito boa. O salame vem por cima do hambúrguer em quantidade tímida, poderiam ter caprichado mais para sentirmos o sabor claro sobre tanto hambúrguer.

A carne do hambúrguer foi um caso à parte. Bem alta, estava ao ponto para bem passada de consistência compacta e com tempero. Na realidade parecia mais um polpetone. Mas desta vez não leve como uma crítica, a proposta do restaurante é essa, trazer a comida italiana ao formato de hambúrguer. Então não espere saborear um hambúrguer como conhecemos em hamburguerias especializadas. Sim, percebemos que a receita informada era bem diferente do hambúrguer que serviram. Mas com ceretza não foi um engano, porque a casa não tem nenhum outro no cardápio.

Ítalo Burger - hambúrguer de 230g de alcatra, pão italiano, maionese de erva doce, salame hamburguês e manjericão. Acompanhado de bolinhos fritos de risoto.

O sabor do conjunto estava agradável e ficaram bem harmonizados. A maionese quase não foi percebida, estava no lanche mas não marcou presença.

CONCLUSÃO
O La Grassa preparou um hambúrguer aos moldes da comida italiana do cardápio. De ambiente agradável e clima italiano, não parece oferecer uma receita de hambúrguer em seu cardápio regular.

Foi uma opção diferente para saborear nosso prato preferido com temperos bem distantes dos que freqüentam a culinária do hambúrguer. E no fim das contas tudo estava bem gostoso.

La Grassa

Av. Juriti, 32 – Moema em São Paulo, SP
Telefone (11) 3053-9303

Zena Caffé – SP Burger Fest em maio de 2013

O Zena Caffé participou do 1 SP Burger Fest com o Focaccia All’Americana massa de focaccia bem fina recheada com um hambúrguer de 160g, queijo stracchino, cebola roxa caramelizada e pancetta veja nosso post.

Chegamos e não havia espera, o ambiente estava relativamente vazio, fomos no domingo à noite.

Ambiente

AMBIENTE
O ambiente é bonito, decorado com muitos espelhos que dá um efeito ampliando o lugar – o salão não é muito grande. Á direita fica o bar com algumas das bebidas e uma lousa com os pratos do dia de segunda a domingo. No centro tem uma adega de vinhos que separa um segundo ambiente ao fundo que fica mais reservado. O clima é típico de uma vila italiana, com ambiente agradável, se propõe a oferecer gastronomia de qualidade, baseada na culinária mediterrânea com receitas autênticas da região da Ligúria (norte da Itália).

Ambiente

CARDÁPIO
O cardápio é baseado em massas frescas e secas e gnocchi. Opções de carne, frango e peixe completam o menu.

Ambiente

Regularmente oferecem o hambúrguer do festival no cardápio, o que aumenta a responsabilidade por não ser uma novidade. A receita “Hamburgo” – hambúrguer, pão de focaccia, molho de tomate e fonduta de stracchino acompanhado de batatas fritas por R$ 35,00.

ATENDIMENTO
O atendimento é super atencioso e logo que sentamos trouxe o cardápio e também alguns palitinhos salgados que são repostos assim que terminam – cortesia da casa.

Nosso pedido foram os hambúrgueres do SP Burger Fest e um chá de capim limão gelado.

Após uns 15 minutos chegaram os hambúrgueres. Aparência impecável, montados milimetricamente.

Hamburgo – hambúrguer, pão de focaccia, molho de tomate e fonduta de stracchino acompanhado de batatas fritas

BATATAS RÚSTICAS
As batatas vem decoradas com alecrim e salsinha – temperadas com sal grosso. Porção individual de tamanho ótimo. Estavam saborosas, fritas no ponto e bem temperadas. O melhor é que acompanham dentes de alho frito, sensacional!

Batatas rústicas com alecrim e alho frito

HAMBÚRGUER
O hambúrguer estava muito bonito, o pão de focaccia deu todo o diferencial. Cortamos ao meio e descobrimos que a carne que pedimos ao ponto veio bem passada – nada de miolo rosado desta vez. O pão é macio e diferente, algo inusitado no hambúrguer. Combinou, mas poderia ser um pouco mais molhadinho. Mesmo com o molho e o queijo ainda precisava de algo que desse uma quebrada na massa do pão.

Hamburgo – hambúrguer, pão de focaccia, molho de tomate e fonduta de stracchino acompanhado de batatas fritas

A carne do hambúrguer não estava suculenta e foi temperada. Pelo que entendemos do prato o hambúrguer foi feito inspirado na linha de cozinha do restaurante, então não consideramos um erro e sim uma forma de preparar. Mas o nosso gosto prefere uma carne apenas temperada com sal. O molho era cozido, assim como servem em outros pratos da casa. Estava gostoso e se misturava com a fonduta de stracchino (preparado com queijo stracchino, leite e gemas).

Hamburgo – hambúrguer, pão de focaccia, molho de tomate e fonduta de stracchino acompanhado de batatas fritas

Esperávamos mais desta receita, principalmente porque gostamos muito do Zena Caffé no festival anterior. Mas não consideramos que erraram, só não nos agradou.

CONCLUSÃO
O Zena Caffé é um restaurante aconchegante com pratos do norte da Itália, bem frequentado e com atendimento excelente. Com certeza é uma boa opção para quem aprecia vinhos. Preparou uma receita de hambúrguer mantendo o estilo da casa – isso é importante. Vale a pena experimentar e conhecer esta releitura do velho conhecido hambúrguer.

Zena Caffè

R. Manuel Guedes, 243 – Jardim Europa em São Paulo, SP
Telefone (11) 3078-6658
R. Peixoto Gomide, 1.901 – Jardim Paulista em São Paulo, SP
Telefone (11) 3081-2158