Receita para um hambúrguer perfeito e profissional: como fazer seu hambúrguer caseiro ficar melhor que o das hamburguerias

Receita hamburguer perfeito caseiro e profissionalPesquisamos muito sobre receitas de hambúrguer em livros, na internet, estudamos, entrevistamos profissionais e fizemos incontáveis testes até chegar na receita ideal de um hambúrguer perfeito. E a nossa receita não é só como fazer um hambúrguer caseiro, o que ensinamos é como fazer hambúrguer de verdade usando técnicas profissionais das melhores hamburguerias do Brasil e do mundo.

Perdemos a conta de quantos hambúrgueres comemos e até hoje percebemos que várias hamburguerias continuam cometendo erros básicos na preparação do hambúrguer artesanal. Mas não se preocupe, a melhor notícia é que fazer um hambúrguer caseiro ou numa hamburgueria é super fácil e barato, basta seguir nossas dicas.

A principal é escolher um açougue bom, que sirva carnes frescas e de boa procedência. Lembre-se que se a carne não estiver fresca ou não for de qualidade, seu hambúrguer não ficará gostoso. A carne e sua gordura são os únicos ingredientes do hambúrguer, então se não estiverem bons, nunca chegará ao hambúrguer perfeito.

A praticidade é uma das razões que muitos compram carne no supermercado, porém a carne vendida nessas lojas demoram muito tempo para chegar às prateleiras. O tempo e o oxigênio é o maior inimigo da carne. As carnes embaladas à vácuo podem ser uma opção, pois não estão expostas ao ar. Mas no supermercado, o açougueiro dificilmente fará o preparo conforme recomendamos, eles não tem tempo para isso. Então, o ideal é escolher um bom açougue que ofereça um bom atendimento.

Nossa escolha foi o açougue FEED no Itaim, que serve carne de gado Bonsmara e executa nosso blends exatamente como pedimos, com toda a paciência e procedimentos necessários. Foi lá que fizemos todo o processo que mostraremos a seguir, desde a escolha da carne até a preparação do hambúrguer. Conheça o FEED

1. Mitos e verdades sobre o hambúrguer artesanal

Para fazer um hambúrguer saboroso, a primeira das técnicas que os profissionais usam é o blend de carnes, isto é, a mistura entre diferentes cortes de carne para que o hambúrguer tenha sabor único. No passado, as hamburguerias tradicionais preparavam o hambúrguer usando apenas patinho, coxão mole ou outro tipo de carne de preferência. Mas para seu hambúrguer ter personalidade e sabor inigualável é preciso escolher pelo menos dois cortes de carne para chegar a um resultado único. Essa mistura vai enriquecer o sabor, porque cada corte de carne tem diferentes quantidades de sangue (algumas são mais outras são menos irrigadas), textura de acordo com a parte do corpo do animal e consequentemente o sabor será diferente.

A gordura que será usada para compor seu blend, será um dos principais responsáveis pelo sabor final.  Portanto, na receita para um hambúrguer perfeito os únicos ingredientes são carne e gordura.

A ideia de fazer o velho conhecido hambúrguer de picanha é besteira, quase nenhuma hamburgueria que diz ter hambúrguer de picanha no cardápio usa 100% de picanha em seu hambúrguer. Isso porque é economicamente inviável moer uma carne cara como esta para fazer hambúrguer. O preço da unidade ficaria altíssimo e o resultado não seria dos melhores, nem houve a mistura de carne. Na prática, os que ainda utilizam o artifíício do hambúrguer de picanha para atrair clientes ou mesmo aumentar o valor dos hambúrgueres, acabam misturando outras carnes mais baratas para poder ter algo financeiramente viável (olha o blend aí) ou usam apenas a gordura da picanha para dar o sabor. Então, não se iluda, fuja do hambúrguer de picanha ou lembre-se que sempre será um blend que leva picanha ou sua gordura na mistura.

2. Como escolher a carne para um hambúrguer perfeito?

Agora, ensinaremos como fazer o blend de carnes para preparar seu hambúrguer caseiro ou o hambúrguer perfeito para sua hamburgueria. Você verá que não há diferença nenhuma entre a versão caseira ou de uma hamburgueria.

Quem está acostumado a comprar carne tem facilidade de identificar quais são as carnes mais baratas e as mais caras. E pode ir além, sabe quais são mais duras, mais macias, quais servem para o churrasco ou para o picadinho. Mas você sabe a qual parte do boi ela pertence? Na maioria das vezes a resposta é não. Assim vamos dar uma breve explicação que facilitará qual a origem dos cortes de carne e quais servem para preparar um bom hambúrguer.

A dica principal é dividir o boi em dianteiro e traseiro. O traseiro basicamente são carnes para churrasco e mais macias. O dianteiro são carnes mais duras e muito boas para o hambúrguer.

A primeira qualidade das carnes do dianteiro é o sabor, ninguém quer comer um hambúrguer sem gosto. E para completar são carnes mais baratas, pois são mais difíceis de serem preparadas porque são mais duras. Mas o hambúrguer é feito de carne moída, então não há nenhum problema em usarmos carnes mais duras, o que é mais importante é o sabor. Evite carnes com muitos nervos, senão quando moer e fizer seu hambúrguer encontrará aqueles pedacinhos indesejáveis a cada mordida – isso estraga tudo.

No dianteiro do boi, as carnes mais comuns no hambúrguer são: acém, peito e pescoço. Se você escolher pelo menos uma destas, já tem grande probabilidade de acertar. Outras opções que aparecem menos são a raquete da paleta e a costela gaúcha. Todas elas custam pouco e são muito saborosas, principalmente se combinadas entre si ou com outras.

A combinação entre cortes do dianteiro com outras do traseiro não é proibido, vai dar um bom resultado, mas quanto mais carnes nobres usar tornará seu blend mais caro. Busque sempre o sabor ideal, para seu hambúrguer ter um toque particular.

No traseiro, as carnes mais usadas para o hambúrguer são: a fraldinha, o patinho, o coxão duro e o alcatra. O contra-filé também pode ser usado, dentro de algumas combinações pode fazer um hambúrguer gostoso, mas ele tem um gosto bem característico.

3. A importância da gordura: quanto devo usar de gordura numa receita de hambúrguer?

Depois de aprender quais são as melhores carnes para um hambúrguer perfeito, agora é a hora de saber quanto de gordura utilizar. Sim, a gordura é tão importante quanto a carne pelo sabor do blend. O Kobe Beef, carne muito conhecida por sua alta marmorização pode custar centenas de reais o quilo e é tão cobiçado porque possui gordura entremeada na carne naturalmente. Isso é a chamada marmorização. A raça do boi Wagyu combinado com a alimentação e confinamento, favorece que esta gordura seja desenvolvida na carne e deixando o Kobe Beef muito saboroso e macio. O sabor e maciez deste corte se dá pela combinação de carne mais gordura.

Kobe Beef - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Antes que você tenha a inocente ideia de moer uma carne tão cara quanto essa para fazer um hambúrguer, ensinaremos a preparar a mistura de gordura e carne, que deixará o hambúrguer com muito sabor.  Ao moer carne e gordura juntos,  misturamos os sabores dos cortes escolhidos e impregnamos à mistura com a gordura e finalizando o blend do hambúrguer. É quase como acontece naturalmente no Kobe Beef, só que estamos fazendo de forma artificial usando o processo de moer a carne. Mas calma, essa foi só uma comparação, não vá achando que Kobe Beef pode ser “fabricado”, foi só uma comparação para facilitar o entendimento.

A mistura de carne e gordura faz com que o hambúrguer levado ao fogo, independente se em uma chapa ou numa grelha, a gordura derreterá e se mistura à carne. Dependendo do tipo de gordura e carne usados você terá sabores característicos. Um exemplo disso é a costela, que se moída e misturada com a própria gordura dá um ótimo hambúrguer e neste caso pode até ser usada sozinha. Viu, o hambúrguer não tem regras duras, mas tem boas práticas que foram testadas e que deram certo.

A dica de ouro para um bom hambúrguer é a quantidade correta e equilibrada de gordura no blend. Se for muito acima ou muito abaixo, vai dar errado. A quantidade mínima em um hambúrguer é de 15%, mas recomendamos que tenha em média 20% de gordura do total do peso do blend. Além do sabor, a gordura é muito responsável pela suculência do hambúrguer. Em nossos blends, trabalhamos com 20% de gordura, ficam bons para a panela ou chapa e também para a churrasqueira – nossa preferência.

Além do sabor, é a gordura que dá a liga no blend, nem pense em colocar ovo, sopa de cebola ou qualquer tipo de tempero no hambúrguer. Hambúrguer de verdade é feito exclusivamente de carne e gordura na proporção correta. Explicaremos em seguida como temperar seu hambúrguer no momento da chapa ou da grelha.

A gordura mais usada é a do peito ou de costela, pois é abundante e muito barata, às vezes nem é cobrada. É uma das gorduras ideais para prepararmos um hambúrguer perfeito. Pois são bem sólidas, dissolvem bem com o calor e possuem um ótimo sabor. Mas você pode usar também da fraldinha, de picanha e outras.

Veja algumas sugestões de blends que testamos e foram um sucesso:

  • 350g de acém + 350g de peito + 350g de pescoço + 250g de gordura do peito
  • 525g de acém + 525g de peito + 250g de gordura do peito
  • 525g de peito + 525g de fraldinha + 250g de gordura do peito
  • 525g de acém + 525g de costela gaúcha + 250g de gordura da costela
  • 350g de acém + 350g de peito + 350g de fraldinha + 250g de gordura do peito
  • 350g de acém + 350g de peito + 350g de bombom de alcatra + 250g de gordura do peito
  • 525g de peito + 525g de coxão duro + 250g de gordura do peito

Todas elas renderão uma porção de 1,3 kg de carne, aproximadamente 7 hambúrgueres de 180g.

Então, se gordura é igual a sabor e ainda deixa meu blend mais barato, por que não usar 40% de gordura no hambúrguer?

É simples, se tiver muita gordura em seu hambúrguer ele vai encolher no momento que for ao fogo. E o que parecia ser um hambúrguer grande, se tornará um hamburguinho bem pequeno e pode até se desmanchar. Porque a gordura vai derreter e escorrer, uma parte dela é perdida, principalmente na churrasqueira. Então não ultrapasse muito o limite, existe razão para ser em torno de 20%.

E se eu usar 10% de gordura porque prefiro servir um hambúrguer mais saudável?

Caso economize na gordura porque está preocupado com a quantidade que vai ingerir, o hambúrguer não é o prato ideal para você. Mesmo assim, se insistir em colocar 10% ou até menos, o que acontecerá é que seu hambúrguer ficará seco e sem sabor. Qual a vantagem de comer algo assim? Melhor preparar aquele peito de frango bem temperado que ficará mais satisfeito

4. Como moer a carne para fazer um hambúrguer perfeito?

Depois escolher a combinação de carne da vez, não pense que agora é só moer a carne de qualquer jeito e pronto, o hambúrguer ficará ótimo. Há alguns truques para conseguir misturar a carne corretamente e sem esforço. E sem ter que ficar manipulando muito ela depois de moída.

Comece pedindo ao açougueiro para limpar a carne e deixá-las livres de nervos e dos tecidos que muitas vezes revestem algumas partes da carne. O ideal é pesá-las depois de limpa para ter a quantidade certa de carne e gordura. Mas não estranhe se ele pesar antes, já que o preço da carne é dado na peça bruta.

Pedaço de peito linpo- receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional

Fraldinha - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Gordura do peito - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

No moedor, o ideal é usar o bocal médio ou grande, se for muito pequeno a carne moída pode se transformar em um patê de carne e isso acabará com a textura do hambúrguer, deixando pesado e compacto. Se for muito grosso, seu hambúrguer pode ficar com pedaços não moídos de carne, que também não é muito agradável.

Depois de limpas, peça para as carnes escolhidas serem cortadas em cubos grandes (com uns 6cm de largura), assim como a gordura que será misturada. Outra opção é cortar tudo em tiras. O objetivo é conseguir misturar as carnes com a gordura enquanto vai moendo a carne. Fazendo a mistura antes mesmo de colocar no moedor, facilitará a mistura do blend logo na primeira passagem pelo moedor.

Peito picado em cubos - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Fraldinha - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Gordura do peito cortada em cubos

Quando for possível moer a carne em casa, recomendamos que os cubos de carne voltem à geladeira para gelar antes de serem moídos. Quando gelada a carne sangra menos. Se a carne estiver muito próxima da temperatura ambiente, no momento de moer o líquido pode sair e isso significa uma carne menos suculenta. Num açougue, normalmente a manipulação é feita rapidamente, então se o açougueiro for ágil e fizer tudo rapidinho, dá para moer assim que cortada.

Carnes e gordura lado a lado - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Para evitar levar a carne que o cliente anterior moeu, o correto é pedir para dar uma limpada no moedor antes de moer seu blend que foi escolhido com tanto cuidado. Na hora de colocar a carne no moedor, coloque pedaços alternados de carne e gordura. Se não misturar as carnes e a gordura, o hambúrguer não terá um blend uniforme e cada hambúrguer pode ficar com gosto diferente e ter diferentes concentrações de gordura.

Carnes misturadas prontas para moer - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

 - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Em nossos hambúrgueres, geralmente pedimos para moer a carne duas vezes, esse é o jeito mais prático para garantir que as carnes e a gordura se misturem bem e não precisará colocar as mãos para misturá-la depois. A textura também fica mais leve e igual para o hambúrguer.

Carne sendo moída pela primeira vez - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Carne sendo moída pela segunda vez  - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Depois da carne moída, não manipule a carne até o momento de moldar seus hambúrgueres. E peça para embalar seu blend a vácuo, esta é a maneira mais indicada para que a carne não entre em contato com o ar e oxide (fique escura). Conservará por mais tempo e não perderá o gosto ou a cor vermelha. É comum que no vácuo a carne parece mais escura, não se preocupe que quando abrir o pacote voltará a ficar vermelha.

Resultado final - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

5. O que vai precisar para moldar um hambúrguer artesanal?

O blend está pronto, chegou a hora de moldar seu hambúrguer. Alguns preferem os hambúrgueres mais fininhos e outros os mais grossos. O procedimento para moldar é exatamente o mesmo, a diferença será apenas no peso do hambúrguer.

Nós preferimos os burgers mais altos, pois ficam muito mais suculentos e saborosos. Mas às vezes é gostoso comer aqueles mais fininhos e até fazer um duplo com eles.

Esse procedimento é o mesmo usado nas hamburguerias que produzem seus burgers de forma artesanal. A diferença é a escala. Algumas usam algumas máquinas par fazer esta parte, mas sinceramente preferimos a forma manual, por mais trabalhoso que seja. O resultado fica muito melhor.

Utensílios

  • balança digital ou analógica
  • aro para fritar ovo com aproximadamente 11cm de diâmetro (disponível em lojas de utensílios domésticos)
  • papel manteiga (comprado em qualquer supermercado) – corte em quadrados de 11cm ou com o mesmo diâmetro do aro que vai usar para moldar
  • colher de sopa

obs. se não tiver nenhum destes itens e quiser fazer um hambúrguer caseiro, pode fazer usando as próprias mãos. A diferença é que terá um resultado menos padronizado e será um pouquinho mais difícil de fazer.

Mais uma vez, para manipular a carne, o ideal é que ela esteja bem gelada, pois como você vai trabalhar com as mãos em temperatura ambiente, se a carne esquentar soltará líquido e prejudicará o resultado final.Isso deixaria seu hambúrguer com menor suculência.

Além disso, por questões de conservação do alimento não devemos evitar o aquecimento da carne, principalmente a que já foi moída.  Então, se for fazer muitos hambúrgueres de uma vez, retire da geladeira pouca quantidade de carne por vez,  e logo após moldados alguns leve os burgers direto à geladeira.

6. Qual o peso ideal para um hambúrguer perfeito?

Se preferir um hambúrguer alto e usar um aro de 11cm de diâmetro, o ideal é trabalhar com 180 a 200g de carne. Para um hambúrguer mais fininho, do tipo “clássicos de São Paulo”, trabalhe com 100g a 120g. Em ambos os casos você fará tudo exatamente da mesma maneira.

Pegue uma quantidade de carne que caiba na palma da sua mão, aproximadamente do tamanho de uma bola de tênis. Isso resultará em um hambúrguer de 180g a 200g.

Hambúrguer de 180g  - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

hambúrguer após pesado - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

 

Para garantr que todos fiquem exatamente iguais, use uma balança e pese. Faça isso até que sua carne esteja separada em porções iguais.

7. Como moldar a carne e fazer um hambúrguer perfeito?

Depois de pesado, comece a moldar o hambúrguer apalpando a carne até que chegue a uma bola mais uniforme. O truque neste momento é colocar a bola de carne em uma das mãos e jogá-la com uma certa força contra a outra. Isso é chamado de bater o hambúrguer.

hambúrguer sobre o papel manteiga - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

batendo o hambúrguer - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Este processo serve para que a gordura fique aderida à carne e também para retirar o excesso de ar da mistura. Além disso, é esta etapa que vai deixar seu hambúrguer a não se desfazer na chapa ou na grelha. Já vimos muitas receitas por aí dizendo que não devemos tocar na carne e moldá-la quase sem tocá-la. O que pode acontecer nestes casos é o hambúrguer se quebrar ou desfazer na hora que levá-lo à chapa ou à grelha. O pior é que se isso acontecer, o burger perde muito da suculência e não queremos isso, né?

18-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional Batendo o hambúrguer - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Então repita de cinco a dez vezes por hambúrguer o movimento de jogar a bola de carne de uma mão para a outra e coloque-a sobre o papel manteiga.

20-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional 21-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional 22-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional 23-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional 24-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional Batendo o hambúrguer - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Com as bolas formadas e devidamente posicionadas, coloque o aro de ovo ao seu redor e com a colher de sopa aperte a carne até o hambúrguer preencher todo o espaço do aro. Você pode fazer isso também com as mãos, mas a colher evita que a carne esquente e também é mais prática para grandes quantidades.

Aro de ovo ao redor da bola - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Quando a carne tiver ocupado todo o diâmetro do aro, aperte com a colher no centro do hambúrguer, isso fará com que o meio fique mais fundo do que as laterais. Essa é a dica para seu hambúrguer não estufar no meio e encolher de diâmetro quando for ao fogo, ficando menor que o pão e parecendo um polpetone.

27-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional 28-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional 29-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional Moldando o hambúrguer - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Usar o aro não é obrigatório, dá para apertar apenas com a mão. O resultado chegará em um hambúrguer mais rústico, mas que terá a mesma qualidade. Você pode também usar o fundo de um prato para apertar, terá um resultado um pouco mais regular. Lembre-se de que não precisa apertar muito, é só para achatar a carne e chegar no formato final do hambúrguer. Mas nunca esqueça de deixar o centro mais achatado que as laterais.

Hambúrguer moldado - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

8. Como armazenar a carne? Posso congelar o hambúrguer depois de moldado?

Use o papel manteiga para separar um hambúrguer do outro e empilhe no máximo 3 hambúrgueres de 180g para que eles não amassem. Você pode usar uma assadeira ou caixas plásticas com tampa. O que é indispensável é passar papel filme para que o ar não entre nem saia do recipiente. Desta forma, a carne demora mais para oxidar em contato com o ar. Quando ela oxida, o hambúrguer fica escuro e com uma má aparência – já não é bom para o consumo.

32-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional

Se quiser congelar os hambúrgueres e usar depois é possível. Mas nossa recomendação é usá-los sempre frescos, ficam muito mais gostosos.

Se congelar, depois que os hambúrgueres ficarem firmes, armazene dentro de sacos de vácuo ou em tupperwares vedados ou caixas plásticas que suportem o congelador.

Antes de usá-los, o correto é descongelá-los na geladeira por 12h a 24h antes (se estiver em vácuo, primeiro deixe o ar entrar, senão a carne ficará deformada após o descongelamento). Com a maneira correta de descongelamento você minimiza a perda de líquidos.

O tempo de validade de uma carne em um congelador comum é de 30 dias, mas se tiver uma geladeira mais potente que chegue a -18º, o hambúrguer bem embalado pode ter uma validade de 90 dias.

Quando a carne é congelada, a água contida congela e expande. Assim, quando descongela rapidamente há uma perda maior de líquidos, levando embora parte da suculência de seu hambúrguer. Já foi em uma hamburgueria e comeu aquele hambúrguer que deixa o prato cheio de água? Provavelmente pegaram o hambúrguer direto do congelador e puseram em uma chapa. Além disso, quando o hambúrguer está congelado é mais difícil dar o ponto na carne sem cozinhá-la, caso contrário terá um hambúrguer gelado por dentro e soltando muita água. Então usam temperaturas menores para que o hambúrguer se aqueça por dentro e descongele.

9. Onde devo preparar meu hambúrguer: na panela, chapa ou churrasqueira?

hambúrguer está moldado e pronto para ser preparado. A primeira escolha é se vai usar uma chapa, frigideira ou na churrasqueira. Os procedimentos são bem parecidos, mas há algumas particularidades.

Hambúrguer pronto para armazenar - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

A dica mais importante é garantir uma temperatura alta para selar o hambúrguer sem cozinhá-lo. A diferença entre uma frigideira e uma chapa é que a chapa consegue manter altas temperaturas sem esfriar na hora que o hambúrguer é colocado sobre a superfície.

A frigideira num fogão de casa perde calor no momento que a carne que está fria atinge a superfície da panela. Principalmente se você colocar mais de um hambúrguer por vez e não tiver uma boca de fogão potente o suficiente.

Além disso, dependendo da posição do fogo na sua panela, o hambúrguer não vai receber calor por igual. Na chapa esse tipo de problema não acontece e você pode fazer mais de um hambúrguer simultaneamente.

Usando uma frigideira ou uma chapa, ensinaremos como preparar o hambúrguer para que ele fique perfeito e igual ao das melhores hamburguerias.

Em ambos os casos você deve preaquecer a frigideira ou a chapa em fogo médio alto. Dê preferência às frigideiras de ferro e mais grossas ou mesmo aquelas chapas de ferro que colocamos sobre a boca do fogão. Quanto mais grossas melhores, pois mantém o calor.

Unte levemente com óleo, só para não grudar o primeiro burger. Depois, não é mais necessário usar gordura, a panela estará devidamente untada com a gordura natural da carne.

Se for preparar na churrasqueira será um pouco mais difícil e depende do fogo e quantidade de calor que esteja o carvão. Por outro lado, o hambúrguer vai ficar com aquele gosto de defumado que nós gostamos. Mas para a churrasqueira vale um post exclusivo de como preparar o fogo até grelhar o hambúrguer.

10. Quais os pontos da carne possíveis para um hambúrguer?

Os pontos do hambúrguer são exatamente os mesmos dos pontos de um steak:

  • mal passado: hambúrguer apenas selado dos dois lados e com a carne aquecida no centro para ser servido. A carne no interior ainda está crua e muito vermelha.

Hambúrguer mal passado  - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

  • ao ponto para mal passado: o hambúrguer está selado e começou a atingir o ponto, mas com o interior bem vermelho. A carne do miolo está crua ainda.
    ao ponto: o hambúrguer está com o miolo bem rosado, mas neste ponto não há carne crua, apenas vermelha. A textura já é diferente da carne crua, ficando um pouco mais firme.

Hambúrguer ao ponto - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

  • ao ponto para bem passado: o hambúrguer quase não tem mais parte rosada ao centro e está com a textura mais firme e sem quase sangue.
  • bem passado: é o hambúrguer que não possui qualquer sinal de vermelhidão no centro e não mostra mais qualquer sinal de sangue. É uma carne com textura mais firme e seca, é impossível ter um hambúrguer suculento neste ponto.

Hambúrguer bem passado - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

11. Como acertar o ponto da carne e fazer um hambúrguer perfeito?

Como todos já devem saber, nossos pontos preferidos são “ao ponto” e ao “ponto para mal passado”. São os dois estágios em que a carne está mais suculenta, a gordura que está misturada ao blend derrete e dá sabor ao hambúrguer e não há mais a textura de carne crua praticamente.

Acertar o ponto desejado, principalmente o “ao ponto para mal passado” e o “ao ponto” são os mais difíceis, simplesmente porque são intermediários e se não souber o que está fazendo vai acabar tirando antes ou depois.

Hambúrguer ao ponto  - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

A maneira técnica de saber qual o ponto de uma carne é usar um termômetro, os que possuem uma haste que é inserida na carne e medindo a temperatura. Veja a temperatura de cada um dos pontos:

Temperatura dos pontos de carne

  • mal passado: 50º a 55º C

Temperatura do mal passado - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

  • ao ponto para mal passado:  55º a 59º C
  • ao ponto: 60º a 65º C

Temepratura hambúrguer ao ponto - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

  • ao ponto para bem passado: 65º a 69º C
  • bem passado: 70º a 100º

Temperatura bem passado - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Mas nem todo mundo tem este termômetro e nem mesmo quer ter este nível de precisão. Então a melhor forma é fazer alguns testes em seu fogão com a sua panela escolhida ou na sua chapa. Principalmente se for uma hamburgueria, fica difícil medir a temperatura de cada hambúrguer durante a correria.

Vamos usar como parâmetro um hambúrguer de 180g com 2,5 cm de altura. Se não for medir a temperatura interna do hambúrguer com um termômetro, use a seguinte tabela de tempo como parâmetro, mas saiba que vai precisar ajustar o tempo de acordo com a potência da boca de seu fogão e da sua panela, esta é uma referência inicial:

  • mal passado: 1min30 de cada lado
  • ao ponto para mal passado: 2min de cada lado
  • ao ponto: 2min30
  • ao ponto para bem passado: 3min30
  • bem passado: 4 a 5 minutos de cada lado

Qualquer mudança na altura do hambúrguer, potência do fogão e panela altera o tempo de cocção. O raciocínio é simples, se o hambúrguer for mais fino, deixe menos tempo, pois a carne aumenta a temperatura interna mais rapidamente. Não use um fogo muito forte, pode queimar a carne e terá um gosto amargo. O mesmo acontece se usar uma panela muito fina que não distribui o calor por igual na superfície.

12. Como grelhar ou chapear o hambúrguer e deixá-lo perfeito?

Em casa, o ideal é usar uma frigideira ou chapa de ferro mais grossa, se não tiver, use uma frigideira convencional. Não é necessário usar óleo, pois o hambúrguer tem gordura suficiente. Recomendamos untar apenas antes do primeiro hambúrguer, ajuda a não ter qualquer risco de grudar. Para os próximos burgers não é preciso, pois a panela já terá gordura suficiente.

Pré-aqueça a panela no fogo médio para alto por uns 5 minutos. Coloque o hambúrguer na panela quente e ouvirá o “tchiiiiiiiiii”, se não ouvir, é porque a panela não está quente o suficiente.

Pré aqueça a panela - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Coloque o sal por cima do hambúrguer. A quantidade de sal é algo muito particular, mas fique atento, se colocar pouco, o hambúrguer ficará menos “saboroso”. Lembre-se que não adicionamos qualquer outro tipo de tempero.

Coloque o sal por cima -  - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Em nenhuma hipótese coloque o sal antes de levá-lo à panela, pois ele absorve a água da carne e altera o sabor e a textura do hambúrguer.

Deixe cada lado do hambúrguer pelo tempo recomendado de acordo com o ponto da carne escolhido. O mais importante neste momento é não tocar na carne. Nada de apertar, virar, mexer no hambúrguer. Deixe a carne na panela pelo tempo necessário até virar apenas uma vez.

Observe a lateral do hambúrguer - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Enquanto o hambúrguer está na panela, você pode observar pela lateral da carne a mudança de cor acontecendo de baixo para cima. Da parte mais quente para o centro do hambúrguer.

Observe a lateral do hambúrguer - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Ao mesmo tempo, a água do hambúrguer migra da parte mais quente para a mais fria (da parte de baixo para a de cima). A água sempre vai em direção contrária ao fogo, por isso, você pode observar muitas vezes o líquido da carne brotando da parte superior do hambúrguer. Este é mais um sinal de que chegou o momento de virá-lo.

Assim que virar, coloque mais sal por cima, você verá que a carne estará douradinha. Este processo chama-se reação de maillard, que dá sabor, odor e cor aos alimentos. Sabe quando fazemos um hambúrguer na grelha que fica com “listras” mais escuras onde encosta na grelha e mais clara one não encosta? É exatamente o que acontece na parte mais escura.

Hambúrguer virado - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Se for colocar pimenta do reino, o momento de colocá-la é esse também. A ideia da pimenta do reino é acrescentar sabor, então não frite uma superfície com a pimenta, para não deixar um sabor residual de “queimado”. Quando ela frita na panela, acaba perdendo o sabor da pimenta que estamos acrescentando.

Coloque pimenta do reino  - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Em seguida coloque o queijo que for usar, para ele começar a derreter. Os mais básicos e que combinam com tudo são o queijo prato, muçarela e o cheddar. Não precisa colocar água e nem deve tampar a panela, isso faz com que o hambúrguer cozinhe no vapor. E ninguém quer comer hambúrguer cozido.

Quando faltar 1min30 para tirar o hambúrguer da panela, você deve usar um abafador para derreter o queijo. O abafador não é uma tampa de panela. O abafador ficará em contato direto com a superfície quente da panela e é alto o suficiente para não encostar no queijo.
Use um abafador para derreter o queijo

O calor da panela aquecerá o metal do abafador que funcionará como fonte de calor superior e derreterá o queijo em pouco tempo. E não exagere no uso do abafador, ele deve ser usado apenas para derreter o queijo e pronto. Se deixar desde o momento da virada ou tempo demais, o queijo vai derreter muito e escorrer para a panela. Além de deixar o hambúrguer cozido.

Hambúrguer com queijo derretido - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Pronto, retire o hambúrguer com o queijo derretido da panela e coloque em uma tábua ou prato.

Hambúrguer pronto sobre a tábua - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

É muito importante deixá-lo descansando por cerca de 1 minuto antes de servir. Lembra que comentamos que a água migra na direção oposta ao fogo? Então, quando você virou o hambúrguer ela foi toda para a parte de cima. Deixar o hambúrguer repousar por 1 a 2 minutos faz com que ela se redistribua pela carne e toda a suculência ficará uniforme no hambúrguer. Uma dica é que se você for adicionar mais ingredientes no seu hambúrguer, ele repouse enquanto estiver fazendo a montagem. Isso é o que acontece naturalmente em uma cozinha de hamburgueria até chegar na mesa do cliente.

13. Como selar o pão para não encharcar com seu hambúrguer?

A última dica muito importante é garantir que o pão suporte bem sua carne suculenta, nada de pão desmanchando e desmontando. Para isso conseguir é bem simples. Vamos chapeá-lo em outra panela com manteiga.
Coloque a manteiga sobre a surpefície do pão

É exatamente como fazer um pão na chapa, passe a manteiga e numa panela pré-aquecida doure o pão. Para chegar no ponto certo, use o dedo para apertar a superfície do pão e veja se ele ficou macio e volta ao formato original após soltar.
Deixe dourar em fogo médio

Ao aquecer o pão e dourá-lo com a manteiga você consegue dificultar que o suco da carne penetre na base e faça com que o pão fique todo molhado.Além de dar muito sabor com a manteiga, que combina perfeitamente com a carne.
55-receita-hamburguer-perfeito-caseiro-profissional

Lembre-se de cortar a base com uns 3 centímetros de altura, pois é ela quem suportará todo o peso do hambúrguer montado. E se não quiser usar manteiga, tudo bem, sele da mesma forma. A diferença será no sabor final do conjunto.

Cheeseburger pronto - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Seu hambúrguer está pronto, agora basta usar sua criatividade e montar do jeito que mais gosta.

Cheeseburger - Receita hamburguer perfeito caseiro e profissional

Quer aprender a fazer outras receitas de hambúrguer? Molhos? Acompanhamentos?

==>  Acesse nossa área de receitas de hambúrguer