Arquivo da Tag: Hambúrgueres avaliados

Fazemos avaliação de hamburguerias, lanchonetes e restaurantes. Veja o cardápio com preços, endereço, telefone, delivery, mapa e fotos no Guia do Hambúrguer.

Mr Hoppy Beer & Burguer apresenta novo “burger de 10ão” e outras novidades

oferecimento

Desde o dia 15 de agosto a Mr Hoppy Beer & Burguer disponibilizou em suas 35 unidades o seu novo cardápio.

Nele, os clientes podem encontrar mais uma opção dos famosos “burgers de 10ão”: o clássico “American Cheese Burger”, feito com o tradicional American Cheese, queijo ultra macio que derrete na boca, hambúrguer e pão, por apenas R$10.

American Cheese Burger class=

Quanto as batatas fritas, serão 3 novas opções: a Crazy Fries, batata frita acompanhada de muito cheddar e bacon; a Barbecue Crispy, batata frita acompanhada de molho barbecue e cebola crispy; e a Gorgo Fries, batata frita acompanhada de queijo gorgonzola. Todas custam R$12.

Outra novidade da rede são os drinks. Ao todo, são 7 opções: Gin & Tônica; Hoppy Gin (suco de maracujá e gin); Gin Tropical (gin com Redbull Tropical); Jack & Coke; Maracujá Jack (Jack Fire e suco de maracujá); Cuba Libre (opções com vodca e rum) e Vodca com Energético, a partir de R$22.  Atualmente, o Mr Hoppy está presente em 8 estados brasileiros: Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Paraíba, Santa Catarina e São Paulo.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Mr Hoppy Brasil (@mrhoppybrazil) em

Confira a lista de unidades da Mr Hoppy Beer & Burger em Curitiba e Região Metropolitana:

Curitiba

  • Mr. Hoppy Água Verde – Av. Estados Unidos, 974
  • Mr. Hoppy Bacacheri – R. Prefeito Erasto Gaertner, 2489
  • Mr. Hoppy Cabral – Av. Estados Unidos, 1565
  • Mr. Hoppy Derosso – R. Francisco Derosso, 1917
  • Mr. Hoppy Ecoville – R. João Falarz, 1215
  • Mr. Hoppy Getúlio – Av. Pres. Getúlio Vargas, 3310
  • Mr. Hoppy Jardim das Américas – Av. Nossa Senhora De Lourdes, 426 –
  • Mr. Hoppy Portão – R. Itatiaia, 950
  • Mr. Hoppy Santa Felicidade – Av. Manoel Ribas, 5175
  • Mr. Hoppy Trajano – R. Trajano Reis, 144
  • Mr. Hoppy Bairro Alto – R. Jose De Oliveira Franco, 1774
  • Mr. Hoppy Jardim Botânico – R. Roberto Cichon, 21

Pinhais

  • Mr. Hoppy Pinhais – Av. Jacob Macanhan, 960

São José dos Pinhais

  • Mr. Hoppy São José dos Pinhais – R. Veríssimo Marques, 1442

Campo Largo

  • Mr. Hoppy – Campo Largo – R. Dom Pedro II, 935

Mr. Hoppy Beer & Burger Foz do Iguaçu

  • Mr. Hoppy Foz do Iguaçu – Av. Paraná, 523

Mr. Hoppy Beer & Burger Maringá

  • Mr. Hoppy Zona 02 – Av. Cerro Azul, 78

Mr. Hoppy Beer & Burger em Santa Catarina 

Florianópolis

  • Mr. Hoppy Novo Campeche – R. Nicolau João de Abreu, 134
  • Mr. Hoppy Santa Mônica – Av. Madre Benvenuta, 1037

Itapema

  • Mr. Hoppy Meia Praia – Av. Nereu Ramos, 5358

Joinville

  • Mr. Hoppy Ministro – R. Ministro Calógeras, 697

Mr. Hoppy Beer & Burger em São Paulo

São Paulo

  • Mr. Hoppy Mooca – R. Isabel Dias, 110

Santos

  • Mr. Hoppy Santos – Av. Governador Fernando Costa, 526

Santo André

  • Mr. Hoppy Santo André – Praça Presidente Kennedy, 98

São Bernardo do Campo

  • Mr. Hoppy SBC – Av. Presidente Kennedy, 137

São Caetano do Sul

  • Mr. Hoppy SCS – Av. Presidente Kennedy, 819

Mr. Hoppy Beer & Burger em Recife

  • Mr. Hoppy Boa Viagem – R. Maria Carolina, 331
  • Mr. Hoppy Rui Barbosa – Av. Rui Barbosa, 815
  • Mr. Hoppy Rosarinho – Rua Capitão Sampaio Xavier, 448

Mr. Hoppy Beer & Burger em João Pessoa

  • Mr. Hoppy Manaira – Av. São Gonçalo, 491

Mr. Hoppy Beer & Burger em Belo Horizonte

  • Mr. Hoppy Prado – Av. Francisco Sá, 430
  • Mr. Hoppy Tiradentes – Praça Tiradentes. 41

Mr. Hoppy Beer & Burger em Goiânia

  • Mr. Hoppy Goiânia – Av. T10, 834

Curtiu? Não esquece de deixar seu comentário e seguir o Guia do Hambúrguer nas redes sociais para ficar por dentro dessas e outras novidades do mundo do Hambúrguer.

Oito curiosidades que você não sabia sobre BACON

oferecimento

Mundialmente consumido, amado e odiado (não confiamos em pessoas que odeiam bacon rs) e nós escolhemos oito curiosidades sobre bacon que você não deve saber.

Quem é que nunca comeu essa iguaria no hambúrguer, no café da manhã ou até no sorvete? Foi em Massachusetts, no ano 2000, que criaram um dia internacional especialmente para esse ingrediente, comemorado mais especificamente no sábado antes do Labour Day, feriado do dia do trabalho nos Estados Unidos que acontece na primeira segunda-feira de setembro..

Seja em várias cidades americanas ou ao redor do mundo, as pessoas comemoram com feiras e eventos onde só podem ser servidos pratos de comida que levem bacon em suas receitas.

Nós do Guia do Hambúrguer, em homenagem ao alimento, levantamos 8 curiosidades sobre bacon que provavelmente você não saiba. Confira:

1- O bacon já era comido muito antes de Jesus nascer

Existem relatos que o bacon foi consumido por várias culturas ao longo dos anos. Entre elas, os gregos e os romanos. Os mais antigos, mostram que os chineses já consumiam o corte em 1500 A.C quando para conservar suas carnes durante o transporte, utilizavam as técnicas de salga e defumação.

1- O bacon já era comido muito antes de Jesus nascer

2- Igreja do bacon

Todos nós sabemos que o bacon é idolatrado por muitas pessoas, mas alguns levam essa apreço longe demais. Existe uma igreja para adoração ao “Deus Bacon”.

Criada por John Whiteside e Johnny Monsarrat, a instituição diz que há pelo menos 4.000 seguidores da religião pelo mundo.

igreja do bacon

3- O sabor do bacon é comprovado cientificamente

Tudo com bacon fica mais gostoso, certo? Essa afirmação não é da boca para fora, existem uma explicação científica para o fato.

O sal realça o sabor, enquanto a gordura tem a capacidade de transportar todos os diferentes gostos até as papilas gustativas, que, inclusive, absorve notas adocicadas bem discretas que a carne de porco contém. É uma explosão de sabores bem na sua boca.

3- O sabor do bacon é comprovado cientificamente

4- Bacon pode ser melhor que sexo

Segundo a uma pesquisa feita pela Maple Leaf Foods, quando dada a opção: Bacon ou Sexo, 43% dos canadenses preferem comer a iguaria feita da carne do porco.

4- Bacon pode ser melhor que sexo

Perfume de bacon

Hoje em dia encontramos bacon em tudo! É na camiseta, no quadro, no boné, no sorvete, na vodka e até camisinha…pois é, bizarrices do mundo contemporâneo.

Agora imagina um perfume criado para mulheres com cheiro de bacon? A ideia é agradar seu marido ou namorado com o cheiro da comida favorita deles. A empresa chamada “Fargginay” lançou esse perfume em 2011, será que seria para ajudar os canadenses a namorar mais?

6- 9 milhões de toneladas de suínos para alimentar só os norte americanos

Um porco saudável de 100 quilos produz cerca de 10 quilos de bacon. Só nos EUA, são produzidos mais de 900.000 toneladas de bacon por ano. O que significa que precisam abater 90.000 animais para chefarem a esta produção. Setenta por cento dele é consumido no café da manhã.

9 milhões de toneladas de suínos só para os norte americanos

7- Temos bacon artesanal no Brasil

Nós brasileiros temos sim uma autoridade quando o assunto é bacon!

Henry Rolin, que criou uma versão redonda do produto, ideal para hambúrgueres, iniciou seu negócio de massas e molhos italianos em 2016 em Cotia, a Famiglia Artigianale, mas, depois de montar uma mini-fábrica em casa e pesquisar tendências, começou a investir em criações exclusivas com o bacon, sempre divulgando tudo pelas redes sociais.

Foi aí que nasceu a FA Defumados e o mito do bacon, que hoje é acompanhado por 56 mil seguidores no Instagram e vende bacon artesanal até pela internet, além de fornecer para restaurantes e hamburguerias.

Outras empresas especializadas em produzir o tão querido bacon como se fazia antigamente: Cold Smoke, Cacciattore Salumeria, A Table Charcutaria, e muitas outras. Rola até você fazer um curso e aprender a fazer seu próprio bacon com a Curato.

Bacon brasileiro

8- Bacon também é remédio

De acordo com um estudo da universidade de Massachusetts, o bacon pode ser utilizado para remover larvas de mosca-varejeira, que causam infecções de pele, as famosas bicheiras. Basta aplicar por pelo menos 3 horas uma fatia de bacon na área afetada.

dia do bacon

Além das curiosidades sobre bacon, conheça também a história do bacon que contamos nessa matéria.

Hambúrguer e drive-in: a combinação que conquistou a rotina dos brasileiros na quarentena

oferecimento

E lá se foram 5 longos meses de isolamento social no Brasil causados pelo combate ao Novo Corona Vírus (Covid-19) nos quais impactos sociais, culturais e econômicos, inevitavelmente foram sentidos e o drive-in que já fez muito sucesso nos anos cinquenta ressurge nesse novo normal.

Dentro do mercado gastronômico, por exemplo, os estabelecimentos passaram a entender os serviços de delivery como uma alternativa essencial para manter seus negócios ativos.

Em nichos como o do entretenimento, ambientes com pouca circulação de ar foram fechados. Salas de cinema ao redor do mundo se viram obrigadas a encerrar suas atividades e só depois da recente flexibilização da quarentena puderam pensar em planos para suas retomadas.

A saída para este cenário tem sido o retorno dos drive-in’s. Muito populares nos Estados Unidos nas décadas de 50, 60 e 70, os filmes exibidos nos telões em ambientes abertos para telespectadores assistirem dentro dos carros, evita a proximidade e o contato entre pessoas desconhecidas.

Hambúrguer e drive-in: a combinação que conquistou a rotina dos brasileiros na quarentena

É claro que nessa retomada cultural, alguns sistemas de adequações foram pensados para o conforto de todo mundo que resolver dar uma saidinha para esfriar a cabeça nesse momento tão tenso.

Os espaços podem contar com bombonieres e food trucks dos mais variados estilos que estão entrando na parceria e vendendo seus produtos para completar a experiência.

Como não poderia ser diferente, hamburguerias não ficaram de fora e vem dando um show nas chapas. A seguir confira algumas que oferecem seus serviços em drive-in´s em diferentes cantos do Brasil:

Cadillac BBQ, Mooca – São Paulo

O estacionamento ao lado do Cadillac BBQ, na casa dedicada a defumados do mesmo dono da hamburgueria Cadillac Burger, ganhou uma nova função. Às sextas e sábados, quem parar o carro ali e abrir o vidro, pode fazer seu pedido e curtir som embalado por música ao vivo.

O cardápio especial para o drive-in mistura receitas dos dois estabelecimentos. Tem taco recheado de brisket (R$ 21,00 o trio), sanduíche de copa de lombo defumada (R$ 30,00 com fritas) e smash burger´s em três versões: cheeseburger (R$ 14,00), cheese salada (R$ 15,00) e original (R$ 16,00).

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Cadillac Burger (@cadillacburger) em


Tá Doido Burger, Aeroporto de Brasília

Estacionado no Aeroporto Internacional de Brasília Juscelino Kubitschek, o Festival Drive-in virou o point da quarentena. Com uma programação de filmes e apresentações musicais, o evento inovou no formato, até na hora de pedir os quitutes para acompanhar o filminho.

Aproveitando o sucesso, o grupo Geléia decidiu implementar uma nova operação dentro do drive-in. A novidade é um contêiner com cardápio digital, em que os comensais vão poder conferir as delícias por um QR (disponibilizado na entrada) e o lanche será levado até o carro.

No menu, queridinhos como o original burger, feito com pão australiano, blend de fraldinha e costela, queijo cheddar, cebola caramelizada, maionese caseira e bacon crispy (R$ 25); o cheese bacon, que leva pão branco artesanal, blend de fraldinha e costela, queijo prato mais tradicional maionese caseira e muito bacon crispy (R$ 24); e o brasiliense, que tem pão branco artesanal, blend de fraldinha e costela, queijo prato e cheddar, cebola roxa, alface, tomate e maionese caseira (R$ 26).

A famosa batata da marca também não poderia faltar. No festival, ela sai a R$ 13.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Burger | R$ 10 (@tadoidoburger) em


Geléia no Festival Drive-In: Estacionamento B do Aeroporto Internacional de Brasília Juscelino Kubitschek. De 23 de junho a 23 de agosto de 2020. Ingressos a partir de R$ 60,00 (por carro) no site.

Verdade ou Mito: receita de cebola caramelizada com ou sem açúcar

oferecimento

Fala galera, hoje o nosso Big Boss, Marcos Vigorito, do Guia do Hambúrguer apresenta mais um VERDADE ou MITO do mundo dos burgers e hoje é sobre cebola caramelizada.

Nesta edição, vamos desvendar o mistério: cebola caramelizada leva ou não açúcar?

Essa velha polêmica divide opiniões por aí e até hoje é muito discutida, mas a verdade é que a cebola já tem seu açúcar natural (cerca de 5%) e o processo de caramelização vai acontecer de um jeito ou de outro, acrescentar qualquer ingrediente só acelera o processo e intensifica a doçura do produto.

Sabendo disso, para esse teste vamos reproduzir duas receitas com as mesmas quantidades, uma utilizando açúcar e a outra não.

No final, comparamos os resultados e soltamos o veredito.

Mais um MITO desvendado pelo nosso especialista e perito dos hambúrgueres. Para concluir o vídeo do teste na íntegra clique abaixo:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Guia do Hambúrguer (@guiadohamburguer) em


Receita de cebola caramelizada sem açúcar

Ingredientes

  • 1kg de cebola
  • 60g de manteiga, o equivalente a 4 colheres de sopa

Modo de fazer

  • Corte a cebola em meia lua com aproximadamente 3 milímetros de espessura

  • Derreta a manteiga em uma panela larga e pré-aquecida em fogo baixo

  • Coloque a cebola aos poucos, assim que a manteiga tiver derretida

  • O processo demanda um pouco de atenção para não queimar o fundo da panela, então sempre mexa e adicione aos poucos a cebola no fogo médio para baixo

  • Depois de aproximadamente 55min, a cebola já fica com uma textura crocante, levemente adocicada e com uma coloração marrom

  • Quanto maior o tempo dela no fogo, mais escura e mole a cebola tende a ficar

Resultado de rendimento final foi: 628g de 1kg = 62% de rendimento

Receita de cebola caramelizada com açúcar

Ingredientes:

  • 1kg de cebola
  • 60g de manteiga, o equivalente a 4 colheres de sopa
  • 30g de açúcar mascavo

Modo de fazer:

  • Corte a cebola em meia lua com aproximadamente 3 milímetros de espessura

  • Derreta a manteiga em uma panela larga e pré-aquecida em fogo baixo

  • Coloque a cebola aos poucos, assim que a manteiga tiver derretida

  • Depois de 10min aproximadamente, a cebola começa a entrar em seu processo natural de caramelização, é aqui que devemos entrar com o açúcar

  • 35min depois ela já está no mesmo ponto da cebola caramelizada sem açúcar

Diferença é que ela fica mais adocicada


Resultado de rendimento final foi: 609g de 1kg = 60% de rendimento

SEM AÇÚCAR COM AÇÚCAR
Início 1kg 1kg
Fim 628g = 62% de rendimento 609g = 60% de rendimento

Concluímos então que a afirmação: a cebola caramelizada não vai açúcar é um MITO. Porque a cebola naturalmente contém aproximadamente 5% de açúcares naturais que são caramelizados quando levados ao fogo.

Adicionar açúcar mascavo, refinado ou qualquer outro tipo intensifica o processo de caremelização e também o sabor adocicado

A receita original vem lá da sopa de cebola da culinária francesa que tem como base justamente as cebolas caramelizadas e o caldo de carne.

Hoje, ela é usada em muitos outros pratos e de diversas formas, nas mais diferentes versões, desde a básica usando apenas cebola, manteiga e muita paciência como fizemos até as versões mais incrementadas e exóticas.

O principal a se entender sobre o seu preparo é que não existem regras. O sabor característico do alimento é naturalmente mais adocicado, dando notas de castanha ao hambúrguer e somando na cremosidade do conjunto.

Harmonizamos a cebola caramelizada com bacon (salgado), queijos mais fortes e salgados, rúcula, tomate e outros.

A escolha de qual técnica ou ingredientes usar tornará sua receita de cebola caramelizada única, não se prenda e faça do jeito que achar mais gostoso.

Quintal deBetti Dry Aged & Special Meat – Cidade Jardim, São Paulo – SP

oferecimento

O consagrado Quintal do Debetti é um dos lugares mais badalados para se comer churrasco em São Paulo.

01-interior-debetti-sao-paulo

Uma das especialidades da casa é o hambúrguer dry aged. Esse termo designa um processo de se preparar carne que agrega maciez e sabor diferenciados.

Basicamente são peças de carne com osso, o mais comum é o lombo do boi (parte das “costas”) onde está localizado o contra-filé (ou bife Ancho e Chorizo).

Ela fica sob temperatura, umidade e ventilação controladas sem qualquer tipo de embalagem. Nesse processo, a carne vai “secando” por fora, concentrando sabor e sofrendo a maturação que quebra suas fibras e a deixa mais macia.

Toda a gordura que sobra do produto no processo do dry aged, o Debetti usa para fazer os burgers e agregar um sabor a mais no blend da carne do burger.

Por ser um lugar bem “famosinho” na capital paulista, as filas durante o final de semana são bem grandes, então resolvemos visitar em uma quarta-feira, no horário do almoço, para descobrir o potencial da casa numa condição normal de movimento.

Logo na entrada, não há outra opção de estacionamento, você precisa pagar R$ 25 que é preço único.

O ambiente é muito legal, um grande quintal, churrasqueiras ao centro, fachadas de casas antigas ao redor constroem um ambiente peculiar, charmoso e muito agradável.

02-interior-debetti-sao-paulo

03-churrasqueira-debetti-sao-paulo

Parece que estamos realmente comendo um churrasco no fundo de uma grande casa.

O cardápio oferece opções de churrasco com carnes, pão de alho, linguiças e até mesmo salada.

04-cardapio-debetti-sao-paulo

05-cardapio-debetti-sao-paulo

De entrada, pedimos um cone de batatas fritas da casa por R$ 16 e se quiser em dobro custa R$ 29.

06-batata-debetti-sao-paulo

Não demorou muito para chegar, elas eram artesanais, corte grosso e muito crocantes. Temperadas com sal, agradaram bastante.

Em seguida pedimos uma tábua com o steak com osso, ao ponto para mal, para uma pessoa, por R$ 99.

O ponto veio perfeito, muito macio e saboroso.

Apesar de ser uma técnica que gera sabor bem acentuado, que nem todo mundo curte, o deBetti sabe trabalhar com dry aged com menos tempo de maturação que acaba por deixar o sabor da carne bem agradável. A aceitação do público é ótima.

07-carne-debetti-sao-paulo

Sem mais delongas fomos ao nosso objetivo principal. Pedimos o burger dry aged por R$ 35.

Você pode incluir alguns acompanhamentos como alface e tomate por mais R$ 4, Cebola caramelizada por R$ 5, bacon por R$ 4 e cheddar por R$ 5.

Escolhemos o bom e velho pão, carne de 180g e queijo, só.

Pelo padrão da casa, o hambúrguer vem servido em duas metades, é assim que ele chega ao ponto para malpassado.

Depois de selado, a face da carne leva a última grelhada e dá o acabamento final. Esse processo evidencia mais a crosta de Maillard e maximiza o sabor do burger, além de ficar charmoso.

08-burger-debetti-sao-paulo

09-burger-debetti-sao-paulo

Logo na primeira mordida já notamos um produto incrível, consistência excelente, quentinho, ponto correto e queijo derretido.

A combinação parece que foi feita sob medida, tudo com execução perfeita.

Era impressionante a qualidade de carne, textura, sabor, suculência e o toque sutil de dry aged.

11-burger-debetti-sao-paulo

Para terminar, pedimos a sobremesa típica das churrascadas: panqueca com doce de leite tostada com ferro quente deixando o açúcar cristalizado.

Só para constar, não dá para pedir menos que duas por pessoa. Elas são absolutamente deliciosas.

12-sobremesa-debetti-sao-paulo

O deBetti provou que além de manjar muito de carne, sabe preparar hambúrgueres como ninguém.

Sem nenhum erro de execução e com insumos de primeira qualidade, entregou um hambúrguer beirando à perfeição e preparado na churrasqueira.

Se quer comer um hambúrguer de verdade com sabor de grelhado em uma atmosfera peculiar, está no lugar certo.

    Avaliação do Guia do Hambúrguer

  • Hambúrguer5 estrelas
  • MaioneseNão Avaliado
  • Porção3 estrelas
  • Atendimento3 estrelas
  • Espera 15
  • Cheese BurgerR$ 25
  •        

  • Hambúrguer VegetarianoNão
  • Preçode R$ 40 a R$ 50 (de R$ 40 a R$ 50)
  • As avaliações do Guia do Hambúrguer são feitas sem aviso e sem conhecimento do estabelecimento, pagamos nossa conta e assim podemos falar a verdade.

deBetti Dry Aged & Special Meat

R. Curumins, 11 – Cidade Jardim
São Paulo – SP
(11) 4949-0199
Delivery: Sim

Smart Burger – Campesina, Osasco – SP

oferecimento

Acompanhamos a Smart Burger desde que eles fizeram as primeiras mudanças de cardápio e começaram a modernizar as casas e os hambúrgueres, dá uma olhada na matéria que fizemos logo que conhecemos veja aqui.

O trabalho incansável de melhorias e criações da casa surpreende pelo pouco tempo que tudo aconteceu, até inauguraram uma loja conceito em São Paulo no bairro do Jaguaré.

As raízes da Smart Burger estão em Osasco. Mas dessa vez fomos avaliar a segunda casa da marca e considerada como loja modelo.

Chegamos e sentamos, havia um movimento bom para um almoço de sexta-feira.

fachada-smart-burger-sao-paulo

interior-smart-burger-sao-paulo

O cardápio é focado nas receitas especiais da casa. São doze opções entre o hambúrguer de 180g, o de 90g, hambúrguer de frango, de costelinha suína e até de grão de bico.

Quem quiser montar seu próprio hambúrguer pode escolher o tipo, tamanho e acompanhamentos.

Para as entradas são seis opções que vão desde as fritas tradicionais onduladas até os mini burgers.
cardapio-smart-burger-sao-paulo

cardapio-smart-burger-sao-paulo

Pedimos as fritas Cordel, batatas onduladas, molho de requeijão e cupim assado por R$ 24,80.

Elas foram as primeiras a chegar. Vêm servidas em uma panelinha e são suficientes para duas pessoas.

fritas-smart-burger-sao-paulo

Estavam que macias por dentro e crocantes por fora, preparadas corretamente.

O que dá personalidade à porção é mesmo o molho de requeijão, que estava bem cremoso e o cupim, bem assado e saboroso. Mas a Smart Burger já passou da hora de preparar suas próprias batatas artesanais, estrutura não falta.

Nosso hambúrguer preferido na casa é o Pansexy, hambúrguer, pancetta picante, maionese de wasabi e salada verde com um toque oriental por R$ 28,40.

Como a missão era avaliar, preferimos seguir na linha dos tradicionais dessa vez. Quem acerta no básico, tem mais chances de acertar no ousado.

Nosso pedido foi o Original, hambúrguer bovino, molho original, queijo, cebola roxa crua e alface por R$ 28,60. Adicionamos bacon por mais R$ 5,20.

Não demorou muito para o hambúrguer chegar, apesar da casa estar bem movimentada.

Veio servido em uma tábua de madeira personalizada e com um palito para sustentar a montagem, que estava boa, mas não foi a mais bonita que vimos da casa.

original-burger-smart-burger-sao-paulo

original-burger-smart-burger-sao-paulo

Depois da primeira mordida, vimos que acertaram no ponto. A carne estava bem rosada e suculenta por dentro, como pedimos.

O sabor era bom, só achamos o disco de carne um pouco compacto, ele poderia ser mais macio.

A textura da carne estava boa, e quando provada separadamente faltava um pouco de sal.

original-burger-smart-burger-sao-paulo

A alface e cebola crua estavam bem frescas e combinaram demais com o molho original, que é nitidamente inspirado na rede de fast food do palhaço.

O pão também estava muito bom, selado, macio e bonito. Seu sabor levemente adocicado foi muito bem com o hambúrguer.

O bacon, mesmo vindo por baixo da carne se manteve crocante, gostoso e esteve presente em todas as mordidas.

A Smart Burger conseguiu entregar um ótimo produto com pouquíssimos erros.

Sabemos que isso é o que o cliente receberá.

Nossas avaliações são feitas ocultamente justamente por isso, queremos comer o mesmo hambúrguer que vocês, nossos leitores.

    Avaliação do Guia do Hambúrguer

  • Hambúrguer4 estrelas
  • Maionese3 estrelas
  • Porção2 estrelas
  • Atendimento3 estrelas
  • Espera Nenhuma
  • Cheese BurgerR$ 22,80
  • Hambúrguer VegetarianoSim
  • preçode R$ 30 a R$ 40 (de R$ 30 a R$ 40)
  • As avaliações do Guia do Hambúrguer são feitas sem aviso e sem conhecimento do estabelecimento, pagamos nossa conta e assim podemos falar a verdade.

Smart Burger

Av.Dr.Cândido Motta Filho, 186 – Cidade São Francisco
São Paulo – SP
(11) 3698-5858
Delivery: Sim

Patties – Cidade Monções, São Paulo – SP

oferecimento

Antes tarde do que nunca, chegou a hora da avaliação de uma das sensações do ano de 2019 no mundo do hambúrguer, a Patties.

Vocês sabem o que significa essa palavra? Ela se refere à carne do hambúrguer, por exemplo, quando comemos um burger duplo, em inglês o termo utilizado seria “double pattie” = “duas carnes”.

A casa que pertence os mesmos donos do Guarita Burger, já completou seus seis meses de vida e por isso está apta para concorrer ao Ranking Guia do Hambúrguer 2019/2020.

01-fachada-patties-sao-paulo

Nossa visita rolou em um sábado por volta das 18h, um pouquinho antes do movimento forte começar.

Desde que foi aberta, filas intermináveis se formavam para comer os “ultra smashed burgers” desenvolvidos pelo Greg, australiano muito premiado no mundo do hambúrguer.

O conceito fora do Brasil já existe há tempos, mas aqui tem sido a grande sensação do momento depois da febre dos smash burgers.

A principal característica dos “ultra” consiste em carnes finas como um papel, esmagadas na chapa quente com o objetivo de formar aquela crostinha marrom que dá sabor e cor à carne: reação de Maillard.

Pela espessura da carne, não é possível dar ponto e ela acaba ficando até crocante.

Existem até os radicais defensores dos smashes, quanto mais crosta melhor, chegando ao extremo de usar sempre várias carnes finas.

Para a equipe do Guia, todo hambúrguer tem seu lugar e como já explicamos no nosso Canal do IGTV, não existe regra para peso de carne para ser considerado ou não um smash.

Voltando ao Patties, pegamos uma fila bem tranquila, aproximadamente 10 minutos.

02-fachada-patties-sao-paulo

Dentro da portinha tem dois lugares para sentar que ficam praticamente congestionados com o trânsito de pessoas pegando os pedidos e fazendo pagamento.

03-fachada-patties-sao-paulo

O pessoal acaba se distribuindo nas mesinhas bistrô improvisaras ali em frente ou numa praça que tem do lado.

Sinceramente é bem desconfortável comer o hambúrguer por lá, vale mais pegar pra viagem ou comer rápido de pé mesmo, principalmente se for um dia de chuva.

Nosso pedido foram dois combos com cheeseburger, um cheesebacon e um original.

04-cardapio-patties-sao-paulo

Sem muitas demoras chamaram pelo nosso nome. Logo na entrega os funcionários são treinados para falar “com amor”, achamos bem desnecessário e quase constrangedor.

06-pedido-patties-sao-paulo

Pegamos os saquinhos e fomos comer. Os burgers vieram cobertos de batata fritas feitas na casa, superfinas e quentinhas. São extremamente crocantes, na medida e ficam boas até depois que esfriam.

07-pedido-patties-sao-paulo

08-pedido-patties-sao-paulo

A porção é farta e acaba compensando os 80g de carne distribuídos em dois smashes de 40g.

Começamos pelo cheeseburger, a montagem não é caprichada e os burgers não estavam tão quentinhos quanto as fritas. Me pareceu que eles estavam prontos e só aguardando para serem embalados.

O pão é o mesmo usado no MC Donalds, um dos pontos mais fracos da casa. Poderia ser um pão artesanal, leve e menos industrializado.

As carnes estavam com uma crosta impecável, provadas separadamente eram realmente crocantes. São na medida certa e muito saborosas.

O ponto alto do ali é o queijo, um tipo de molho parecido com American Cheese desenvolvido pelo Greg e também usado no Guarita Burger. É o que deixa o conjunto sem igual.

09-cheese-burger-patties-sao-paulo

10-cheese-burger-patties-sao-paulo

O Original é a mesma receita do cheeseburger do MC Donalds, hambúrguer, queijo, ketchup, mostarda, cebola crua e picles.

Nesse conjunto notamos mais umidade, o ácido do picles e os molhos que acabam dando um contraste com a carne e o queijo.

11-original-patties-sao-paulo

12-original-patties-sao-paulo

Alias, toda a inspiração do Patties é o MC Donalds das antigas, o mesmo mostrado no filme “Fome de Poder”. E por isso muita gente acaba confundindo achando que Mc Donald’s é ultra smahed, mas é só pensar um pouquinho que vai saber que o Mc Donald’s modela seus burgers e usa carne congelada, não dando assim para esmagá-la na chapa. Nem existe tal procedimento nas lojas da rede do palhaço.

Não temos dúvida de que o produto da casa agrada muito ao paladar brasileiro. Hambúrguer descomplicado, ideal para quem não gosta de carne ao ponto ou malpassada, saborosa e com baixíssimo índice de rejeição.

Vemos que o produto do Patties tem seu lugar e que gostaríamos muito de ver outras hamburguerias e até fast foods servindo carne fresca, mesmo que na forma de ultra smashed.

Bom conceito, hambúrguer gostoso com alguns pontos a serem lapidados. Sinônimo de sucesso e as filas continuam por lá.

    Avaliação do Guia do Hambúrguer

  • Hambúrguer3 estrelas
  • MaioneseNão Avaliado
  • Porção4 estrelas
  • Atendimento3 estrelas
  • Espera 10 minutos
  • Cheese BurgerR$ 13
  • Hambúrguer VegetarianoNão
  • Preçode R$ 20 a R$ 30 (de R$ 20 a R$ 30)
  • As avaliações do Guia do Hambúrguer são feitas sem aviso e sem conhecimento do estabelecimento, pagamos nossa conta e assim podemos falar a verdade.

Patties

R. R. Flórida, 1420 – Cidade Monções, São Paulo – SP
São Paulo – SP
(11) 5505-3485
Delivery: Sim

Dock Burger – Tatuapé, São Paulo – SP

oferecimento

Retornamos em uma das hamburguerias mais bem posicionadas do Ranking Guia do Hambúrguer 2018/2019, o Dock Burger que fica na Mooca.

A casa que começou muito, mas muito pequena, já cresceu bastante e hoje conta com 16 lugares.

O estilo permanece o mesmo, decoração industrial, mesas de madeira rústicas e algumas mesas bistrô na parte de fora.

Ela costuma ser bem movimentada, mas não estava cheia porque fomos no horário do almoço.

O cardápio é bem enxuto, a Dock trabalha com cinco opções de hambúrguer, sendo que uma delas é a mais incrementada.

O Grand Parmesano, leva um hambúrguer de 200g, queijo maçaricado, crosta de parmesão, maionese de manjericão e parmesão ralado na hora R$ 39,90.

Nós fomos de clássico, cheese salada, com adicional de bacon por R$ 26,50 e hambúrguer de 160g, o padrão da casa.

05-cardapio-docks-sao-paulo

Para a entrada, escolhemos a porção Fucking Fries, mix de batata frita com batata doce acompanhada de maionese defumada por R$ 25.

A porção chegou junto com o hambúrguer, porque pedimos desta forma. A quantidade é suficiente para duas pessoas. As batatas estavam quentinhas e crocantes, mas um pouco oleosas.

04-batata-docks-sao-paulo

Os dois tipos de batata eram industrializadas, a doce era bem mais gostosa. A maionese defumada estava em consistência correta, mas achamos um pouco enjoativo o sabor muito acentuado. Pelo valor não é uma porção que vale a pena ser pedida.

O hambúrguer veio servido em uma cestinha preta, com a marca da casa em cima.

01-pedido-docks-sao-paulo

O pão estava extremamente leve, tinha um sabor bem acentuado de manteiga, nós gostamos muito.

A salada estava fresca, gostosa e combinou bem com a maionese verde da casa, que estava equilibrada e bem temperada. Preferimos muito mais essa do que a defumada.

O bacon era cortado em fatias grossas, mesmo assim estava gostoso e sequinho, mas não chegou a ser crocante. O sabor suave e sal equilibrado também foram positivos.

02-burger-docks-sao-paulo

A carne veio conforme pedimos, ao ponto para malpassado, bem vermelho por dentro. Provada separadamente faltou um pouquinho de sal para acentuar o sabor, mas mesmo assim estava suculenta, saborosa, em boa textura e densidade.

03-burger-docks-sao-paulo

A Dock Burger prepara um ótimo hambúrguer em um espaço super pequeno.

É uma hamburgueria de bairro que nitidamente sabe o que está fazendo e tem em seu conceito a alma do negócio, simplicidade e sabor.

    Avaliação do Guia do Hambúrguer

  • Hambúrguer3 estrelas
  • Maionese3 estrelas
  • Porção1 estrela
  • Atendimento3 estrelas
  • Espera Não
  • Cheese BurgerR$ 22
  • Hambúrguer VegetarianoSim
  • Preçode R$ 30 a R$ 40 (de R$ 30 a R$ 40)
  • As avaliações do Guia do Hambúrguer são feitas sem aviso e sem conhecimento do estabelecimento, pagamos nossa conta e assim podemos falar a verdade.

Dock Burger

R. Demétrio Ribeiro, 605 – Tatuapé
São Paulo – SP
(11) 2478-8948
Delivery: Sim